Perguntar não é acusar

Perguntar não é acusar

O que faz a SECOM, com certeza não é seus funcionários em horário de expediente, espionar em redes sociais e destratar comunicadores que emitem opiniões contrárias ao governo.